A vida pré-paga

Quando fala-se em pré-pago vem logo a cabeça o conceito do mundo da telefonia móvel, onde quem usa a modalidade pré-paga precisa inserir créditos prévios antes de usar o serviço.

Quando falo de uma vida pré-paga me refiro justamente a isso: pagar antes de consumir qualquer coisa. E eu posso dizer que a sensação é tranquilizadora.

Descobri isso numa situação bem inusitada: no último carnaval eu e meu noivo planejamos passar o feriado num motel da minha cidade. Como estávamos com medo de chegar na porta e o lugar estar lotado, reservamos com antecedência a suíte que queríamos pela internet e já efetuamos o pagamento de 100% do valor. Bem, chegando lá apresentamos o número da reserva e a recepção liberou a entrada, tudo certo. O inusitado ocorreu na saída. Estávamos esperando a inspeção do quarto (aqueles 5 minutos demoradíssimos na recepção) quando o casal que estava na nossa frente na fila teve um problema com o pagamento, o cartão não autorizava, tentaram outro e nada. Deixaram-nos passar na frente e como já havíamos pagado previamente não demorou muito para sermos liberados. Não sei o que aconteceu com o outro casal, mas nós ficamos super tranquilos de não ter tido esse imprevisto, principalmente porque era domingo de carnaval, tudo estaria fechado e a cidade estava deserta.

Claro que pode-se pensar que o ideal é ter controle de quanto se tem na conta ou ainda o limite disponível nos cartões antes de sair de casa e eu concordo plenamente, porém usufruir algo que está quitado é a premissa principal dos planejamentos financeiros bem sucedidos.

Não estou dizendo que foi exatamente esse o problema do casal em questão, só usei esta história para exemplificar o por quê você deveria viver uma vida que já esteja paga!

Pense naquela viagem maravilhosa que você fez e parcelou a perder de vista. Então, a mesma viagem fantástica te atormentará por meses a fio com as intermináveis parcelas. Isso não aconteceria se você tivesse economizado e pago a vista. Outra dica de ouro para viagens é fazer uso de cartão de crédito pré-pago pra lidar com os gastos. Dessa forma você não extrapola o limite do que pode gastar e ainda volta com a consciência tranquila de viver no presente, e não trabalhando para pagar o que viveu no passado.

Cartões pré-pagos são ótimos para controlar os gastos em viagens.

O que é crédito?

Infelizmente o acesso ao crédito no Brasil é acompanhado de uma enorme falta de educação financeira, desse modo tornou-se comum usar o limite do cartão de crédito e cheque especial para o pagamento de despesas mensais.

Bem, pode ser doloroso para algumas pessoas ler isso, mas a verdade tem que ser dita: o limite do cartão, cheque especial ou qualquer outra alternativa de crédito disponibilizada no mercado não fazem parte da sua renda, de modo que ao usá-los você está pagando com um dinheiro que não é seu. E qual o problema disso? Simples. Você vive uma vida que não pode ser paga com seus próprios rendimentos.

Isso pode acarretar a problemas de ordem financeira gigantescos, pois no caso de uma perda súbita de renda a pessoa se endivida exponencialmente.

Há quem use o cartão de crédito como um grande aliado, pois ele é uma ferramenta ótima para unificação de despesas. Você paga tudo num dia só e não corre o risco de esquecer nenhuma conta pra trás. Outra vantagem são os programas de milhas disponibilizados pelos bancos, pra quem viaja constantemente ou consegue trocar pontos por produtos ou serviços é realmente recompensador.

Perceba que não estou de forma alguma demonizando o cartão de crédito, pois, como disse anteriormente, ele é uma ferramenta, e ferramentas costumam ser neutras. A pessoa que faz uso delas é que escolhe se a finalidade será positiva ou desastrosa.

O ponto que defendo aqui é a conscientização do que é acesso ao crédito, e da importância de um planejamento financeiro para viver uma vida que você possa de fato pagar por conta própria.

Liberdade de gastos

Serviços pagos por assinaturas podem até ser vantajosos, porém é preciso atenção. Quanto maior a quantidade de coisas que você tem que pagar obrigatoriamente todos os meses, menor será sua flexibilidade e liberdade financeira.

O celular pré-pago é um exemplo clássico: Você insere créditos quando precisa, na proporção e frequência necessárias para suas necessidades de comunicação naquele momento. Mas se por acaso tiver apertos financeiros e isso não for sua prioridade você simplesmente não gasta com telefone pelo período desejado. Do mesmo modo se quiser um serviço mais ou menos robusto pode optar a colocar mais ou menos crédito de acordo com a necessidade, que varia muito de mês pra mês.

Isso permite uma liberdade no orçamento.

Novamente, não condeno o plano pós-pago nem quem faz uso dele, para algumas pessoas é mais vantajoso mesmo, só fomento a reflexão da real necessidade de pagar por um plano top todos os meses sendo que às vezes nem usamos todo o pacote pelo qual pagamos.

Orçamento inteligente é um orçamento flexível!

Se você tem poucas despesas fixas obrigatórias é possível jogar melhor com as adversidades e eventuais apertos. Se vai gastar mais esse mês com matrículas escolares pode andar mais de ônibus e economizar com táxi, afinal o uso e custo desse serviço podem ser esporádicos e optáveis, ao passo que gastos com um carro próprio não.

Perceba que no exemplo anterior você se desloca da mesma forma, a diferença é usar táxi permite certas readequações de orçamento e substituições, diferentemente dos custos fixos de um carro particular.

Desse modo, viver no modo pré-pago é também deixar o orçamento mais flexível e estável, proporcionando uma vida financeira mais saudável e próspera.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s